O presidente da Alegria da Zona Sul, escola rebaixada esse ano para série b, pretende entrar com uma ação, para evitar o rebaixamento da agremiação.

A ação deve ser entregue a LIERJ  comunicando que não exista descenso em 2019 no grupo. Segundo Marcus Vinícius de Almeida, existem questão que são fundamentais para não existir rebaixamento na Lierj. 

"não tem volta para Intendente porque a gente nunca passou por lá. Segundo, o portão fechou aqui e a gente estava dentro do tempo. Terceiro que a gente não teve barracão, não teve estrutura. Então, a Alegria estará protocolando na Lierj um pedido para que não tenha rebaixamento neste ano”, disse o presidente.

O presidente da agremiação disse ainda que não houve o pagamento de nenhuma parte da subvenção por parte da Prefeitura do Rio.
 
Top