Atrasos no repasse pelo governo do RJ fecharam as unidades do Poupa Tempo. Quem tinha serviço agendado para esta segunda-feira (1º) nos centros de Bangu, Duque de Caxias e São João de Meriti perdeu a viagem. O estado confirma o fechamento, mas garante ser temporário.

Na última sexta (29), a unidade da Central do Brasil já tinha parado. No fim de 2017, foi a vez da do Cantagalo, que não reabriu mais.

A ideia do Poupa Tempo é reunir vários serviços para população, facilitando a retirada de documentos como carteira de trabalho e identidade ou resolver problemas de RioCard. Cada unidade tinha capacidade para 7 mil atendimentos por dia.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e Renda informou em nota que houve um atraso no repasse de recursos do estado para a empresa que gerencia o Rio Poupa Tempo. A pasta apontou “ajustes orçamentários e operacionais”.
 
Top